Acesso ao site VLibras
  |             |  
Ir para Conteúdo 1 Ir para Menu 2 Ir para Rodapé 3 Ir para Acessibilidade 4 Ir para Mapa Site 0
imagem de loader quanto carrega a página
Com o objetivo de resgatar fatos históricos, a Secretaria de Educação (SE) da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) realiza um trabalho inédito, através do Departamento de Planejamento, Pessoas e Informação (DPPI).

O projeto chamado "História Dispersa", já em sua segunda fase, aborda a história da Secretaria de Educação através das memórias de pessoas que participaram ativamente da construção de práticas e políticas educacionais no município.

O trabalho foi divido em três grupos: Gestores (secretários e prefeitos), Funcionários (professores, supervisores, gerentes, técnicos administrativos) e Escola (Diretores, Professores, alunos, etc). Segundo o supervisor de Arquivo e Memória da SE, Iverson Silva, a partir de entrevistas, pode-se vislumbrar as várias visões sobre a Secretaria de Educação de Juiz de Fora e ao mesmo tempo perceber quais são as memórias das práticas e políticas educacionais desenvolvidas. “A coleta dessas memórias será transcrita e disponibilizada para realização de pesquisas que visem divulgar a História da Secretaria de Educação, até mesmo para permitir a construção da história institucional”, relatou Silva.

De acordo com o supervisor, ao analisar as produções acadêmicas, percebe-se abordagens variadas das políticas e práticas implementadas pela SE a partir da ótica de alguns períodos específicos. Ao reunir as declarações feitas pela maioria dos ex-gestores, este projeto contribuirá para o preenchimento de uma lacuna na produção de pesquisas que têm como tema a História da Educação de Juiz de Fora. Para, dessa forma, dar visibilidade para as políticas educacionais, desenvolvidas ao longo dos 50 anos de existência da Secretaria de Educação.

Por conta do distanciamento social, causado pela pandemia do novo coronavírus, as entrevistas estão sendo feitas através de formulários, enviados aos ex-gestores que respondem por escrito ou através de áudio para posterior transcrição. Ao término da execução do projeto será montado um “mosaico” com as diferentes percepções, desde a elaboração até a efetivação dessas políticas e práticas. Busca-se, de um modo geral, contribuir para preservar, divulgar e promover a memória da SE, ampliando o conhecimento histórico relacionado à Juiz de Fora. E, por fim, essas entrevistas, acrescidas de materiais fotográficos, serão compiladas para a confecção do livro "História Dispersa".

Leia também: Secretaria de Educação realiza evento para comemoração de 50 anos

Foto: Divulgação

uma imagem de x

Juiz de Fora contra o Coronavírus | PJF
Portal informativo e educativo para auxiliar no combate ao Covid-19.