Acesso ao site VLibras
  |             |  
Ir para Conteúdo 1 Ir para Menu 2 Ir para Rodapé 3 Ir para Acessibilidade 4 Ir para Mapa Site 0
imagem de loader quanto carrega a página
O Programa de Tratamento do Tabagismo, oferecido aos servidores da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) pela Secretaria de Administração e Recursos Humanos (SARH), concluiu os trabalhos da turma de 2020. Dos 14 inscritos antes da pandemia, 11 mantiveram o tratamento virtual, através de grupo criado no aplicativo de conversas whatsapp, sendo que oito pararam de fumar. Conforme a supervisora de acompanhamento psicossocial do servidor, Rita Brilhante, essa decisão traz diversos benefícios, principalmente no cenário atual: “Melhora a saúde, a autoestima, os relacionamentos e outros aspectos importantes. E, além disso, o tabagismo é considerado fator de risco para a covid-19. Parar de fumar, na pandemia, é uma grande conquista para a qualidade de vida”.

“Todos os ingredientes juntos tornaram possível o objetivo do grupo e do programa ser alcançado. Mudei meus objetivos, a qualidade de vida melhorou demais. Melhorando na saúde e no condicionamento físico, perda de peso e disposição para fazer esportes. Só tenho elogios para toda a equipe”, destacou um dos servidores participantes. Outro afirmou que o programa foi acolhedor: “A equipe foi excelente e nos tratou com muito carinho, atendendo nossas dificuldades. Sinto-me muito melhor sem o cigarro, mudou o meu paladar. A tensão pela falta dele foi muito forte no início do tratamento, mas as leituras e a preocupação da equipe para conosco foram essenciais na minha decisão”. Um terceiro integrante, que também conseguiu parar de fumar, afirmou que, através do programa, encarou outros problemas: “Fazer parte do programa foi muito impactante, porque, além de conseguir parar de fumar, aprendi a lidar com os sintomas de estresse, através de exercício físico e relaxamento, e aprendi a ter bons hábitos alimentares. Foi muito importante todo apoio que nos deram, através de telefonemas durante a semana e vídeos de incentivo”.

Antes da pandemia do novo coronavírus, ocorreu o primeiro encontro, quando foram realizadas consultas médicas e, logo após, as atividades foram suspensas, voltando remotamente em junho, com diversas orientações, prevenção de recaída e apoio psicossocial, sendo presencial apenas para quem ainda não tinha realizado as prescrições de medicamentos, com realização de consultas. A equipe do programa, realizado através do Departamento de Ambiência Organizacional (Damor) da Subsecretaria de Pessoas (SSP), em parceria com a Secretaria de Saúde (SS), conta também com as psicólogas Cassiana Coutinho e Patrícia Santiago, a assistente social Ludmila Pacheco e as médicas Aída Grimaldi, Cândida Horta e Lúcia Lopes.


uma imagem de x

Juiz de Fora contra o Coronavírus | PJF
Portal informativo e educativo para auxiliar no combate ao Covid-19.