Acesso ao site VLibras
  |             |  
Ir para Conteúdo 1 Ir para Menu 2 Ir para Rodapé 3 Ir para Acessibilidade 4 Ir para Mapa Site 0
imagem de loader quanto carrega a página
Juiz de Fora notificou seu primeiro caso suspeito de Coronavírus em 26 de fevereiro de 2020, quando uma mulher, 51 anos, com histórico de viagem para Europa, deu entrada no Hospital de Pronto Socorro Dr. Mozart Geraldo Teixeira (HPS). Começava nessa data as ações de prevenção, conscientização, orientação e preparação para o enfrentamento a Covid-19 no município.

Diante do desafio de se preparar para viver uma epidemia inédita, logo no início de março, a Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) deu início às medidas de preparação da rede de assistência do Sistema Único de Saúde (SUS). Nesse momento, encontrou dificuldade para comprar insumos e Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) necessários para proteger servidores e pacientes. Entretanto, ao longo dos nove meses de pandemia conseguiu abastecer as unidades com os produtos fundamentais para o trabalho. Foram adquiridos cerca de 3.000.000,00 (três milhões) de itens, como máscaras cirúrgicas e N95, álcool líquido e em gel 70%, aventais descartáveis e cirúrgicos, lençol, luvas de procedimento, óculos de proteção, face shield, touca cirúrgica, papel toalha e sabonete líquido.

Em paralelo, a Secretaria de Saúde (SS) começou a preparar e adensar sua rede de atendimento, para evitar que o sistema de saúde entrasse em colapso, diante da pandemia do novo coronavírus (covid-19). Antes da crise, o Município tinha 108 leitos de unidades de terapia intensiva (UTIs) públicos credenciados. Durante o período de enfrentamento, a capacidade instalada (pública) do Sistema Único de Saúde (SUS) na cidade foi ampliada em cerca de 82%, chegando a 197 leitos.

De acordo com o Secretário de Saúde, Rodrigo Almeida, as Unidades de Saúde do Município certamente sairão mais robustas da pandemia. “Nesse período, toda equipe da Secretaria de Saúde trabalhou incansavelmente para preparar a rede para receber todos que necessitarem de atendimento. Investimos em leitos, em equipamentos e em equipes. É um legado que fica para o Município”.

Visando ampliar a rede de testagem, a PJF realizou parceria com a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), que disponibilizou dois laboratórios para rodar amostras de pacientes com suspeita de Covid. Mais de 10 mil exames já foram realizados. Com esse avanço, os resultados obtidos pelos testes realizados na Universidade são lançados diretamente no sistema de gestão de resultados do estado e permanecem contabilizados nas estatísticas oficiais, diminuindo o quadro de subnotificação da doença no Município.

Entre EPIs, insumos, materiais para realização de testes, medicamentos, aparelhos e equipamentos hospitalares, contratação de serviços, novos leitos, despesa com pessoal (recursos humanos), entre outros, a Secretaria de Saúde investiu, até o momento, R$68.137.932,98 no combate à pandemia. Os dados detalhados podem ser conferidos no Portal Covid, na aba transparência.

Atendimento psicológico para profissionais de saúde:

Mais de 200 profissionais da linha de frente já foram atendidos através do projeto “Cuidar da mente, para cuidar da vida”. Além de profissionais do Departamento de Saúde Mental (DSME), o serviço de atendimento psicológico conta com apoio de funcionários dos departamentos de Internação Domiciliar (DID), de Vigilância em Saúde do Trabalhador (Dvsat) e de Ambiência Organizacional (Damor), da Secretaria de Administração e Recursos Humanos (SARH).

Capacitações:

Desde o início da pandemia, profissionais de saúde da rede SUS de Juiz de Fora passaram por capacitações sobre utilização corretas de EPIs, o papel de cada profissional frente ao enfrentamento da Covid-19 e atualização dos protocolos.

Boletim Epidemiológico Covid:

Em parceria com a Secretaria de Comunicação (Secom), a Secretaria de Saúde disponibiliza diariamente, inclusive aos finais de semana e feriados, dados referentes ao número de óbitos e mortes em investigação, casos suspeitos e confirmados e ocupação de leitos. Os dados podem ser acessados por qualquer pessoa, no Portal Covid-19, criado pela Secom.

Foto: Carlos Mendonça

uma imagem de x

Juiz de Fora contra o Coronavírus | PJF
Portal informativo e educativo para auxiliar no combate ao Covid-19.