Acesso ao site VLibras
  |             |  
Ir para Conteúdo 1 Ir para Menu 2 Ir para Rodapé 3 Ir para Acessibilidade 4 Ir para Mapa Site 0
imagem de loader quanto carrega a página
Anualmente, o Dia Mundial da Saúde, celebrado neste dia 7 de abril, é destinado a discutir um tema específico que representa uma prioridade na agenda internacional da Organização Mundial da Saúde (OMS). Em 2021, o tema em debate é a construção de um mundo mais justo e saudável após a Covid-19. O Dia Mundial da Saúde é uma das oportunidades de comunicação sobre a importância da equidade nos serviços de saúde, não apenas para a saúde dos indivíduos, mas também para a saúde das economias e da sociedade como um todo.

O objetivo é conscientizar as pessoas sobre a importância da preservação da saúde para uma melhor qualidade de vida, principalmente nesse período em que enfrentamos uma grave pandemia provocada pelo coronavírus (Covid-19). Neste sentido, a Secretaria de Saúde (SS) da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) reforça a importância das medidas de prevenção, como distanciamento social, uso de máscaras e limpeza frequente das mãos e uso do álcool em gel, cuidados básicos que reduzem a circulação do vírus e salvam vidas.

Além disso, a SS alerta para a busca preventiva dos serviços de saúde logo que sintomas como falta de ar, dificuldade respiratória, ou cansaço fora do normal apareça durante a execução das atividades cotidianas. A busca por ajuda médica nos momentos iniciais da doença visa a evitar que pacientes sejam atendidos já em estado mais grave, com a ampliação dos riscos e a necessidade de hospitalização imediata.


Combate à pandemia em um mundo desigual

A Covid-19 atingiu duramente todos os países, mas seu impacto foi mais grave nas comunidades que já enfrentam vulnerabilidade significativa e estão mais expostas à doença, pois são menos propensas a terem acesso a serviços de saúde de qualidade e têm maior probabilidade de experiências adversas como consequência das medidas implementadas para conter a pandemia.

Segundo a Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) , parceira da SS da PJF, a Covid-19 evidenciou que algumas pessoas podem ter uma vida mais saudável e ter melhor acesso aos serviços de saúde do que outras, devido às desigualdades em sua posição social. Ainda segundo a Organização, em todo o mundo, alguns grupos não apenas têm acesso limitado a serviços de saúde de qualidade, mas também lutam para sobreviver diariamente com pouca renda, têm pior acesso a condições de moradia seguras e à educação de qualidade, menos oportunidades de emprego, pouco ou nenhum acesso a ambientes seguros, água, ar limpos e serviços de saúde, sofrendo com a insegurança alimentar. Os grupos que mais são afetados por essas desvantagens são frequentemente aqueles que sofrem discriminação étnica e de gênero. Essas condições podem levar a um sofrimento desnecessário, doenças evitáveis e morte prematura.

Diante dessa situação, a atuação dos líderes e governos é fundamental para garantir que a equidade na saúde seja a peça central de nossa recuperação da Covid-19. Isso resultará em condições de vida e de trabalho propícias a uma boa saúde.


Origem do Dia Mundial da Saúde

O Dia Mundial da Saúde foi criado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), em 1948, devido a preocupação de seus integrantes em manter o bom estado de saúde das pessoas em todo o mundo, e também alertar sobre os principais problemas que podem atingir a população mundial.

Oficialmente, o Dia Mundial da Saúde é comemorado em 7 de abril desde 1950.

De acordo com o conceito definido pela OMS “a saúde é um estado de completo bem-estar físico, mental e social e não apenas a ausência de doença ou enfermidade”.

Foto: Pixabay

uma imagem de x

Juiz de Fora contra o Coronavírus | PJF
Portal informativo e educativo para auxiliar no combate ao Covid-19.