Acesso ao site VLibras
  |             |  
Ir para Conteúdo 1 Ir para Menu 2 Ir para Rodapé 3 Ir para Acessibilidade 4 Ir para Mapa Site 0
imagem de loader quanto carrega a página
A Secretaria de Saúde da Prefeitura de Juiz de (PJF) retoma a aplicação de vacinas contra Covid-19 nos trabalhadores da saúde pré-cadastrados e que não conseguiram receber o imunizante anteriormente. A vacinação, que acontece no RU Centro da UFJF, das 9h às 16h, recomeça nesta terça-feira, 15, e se estenderá até a próxima segunda, 21. A imunização será dividida por faixas etárias e, no primeiro dia, serão contemplados os profissionais de 41 a 59 anos.

Na quarta-feira, 16, serão vacinados os profissionais da saúde que têm de 35 a 40 anos; na quinta, 17, será a vez daqueles que têm entre 30 e 34; já na sexta, 18, é a vez das pessoas de 25 a 29 anos receberem o imunizante; e, na segunda-feira, 21, o calendário do grupo é finalizado com a aplicação de primeiras doses destinadas aos profissionais da saúde de 18 a 24 anos. Serão vacinados apenas os profissionais que fizeram o pré-cadastro e que se enquadram nos pré-requisitos para a imunização no momento. O RU fica na rua Rua Santo Antônio, s/n Ao lado do Museu de Arte Murilo Mendes (Mamm), no Centro.

Quem pode ser vacinado

Podem ser vacinados os profissionais que fizeram o pré-cadastro e que fazem parte do grupo dos profissionais da saúde que são contemplados neste momento. Estão incluídos no grupo prioritário os profissionais de saúde que atuam em espaços e estabelecimentos de assistência à saúde, sejam hospitais, clínicas, ambulatórios e outros locais, nas redes pública e privada, e que não foram vacinados até o momento. Profissionais como biólogos, biomédicos, enfermeiros, farmacêuticos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos, médicos, médicos veterinários, nutricionistas, odontólogos, psicólogos, assistentes sociais, educadores físicos e técnicos em radiologia, Conforme a portaria 639, de 31 de março de 2020, do Ministério da Saúde (MS). Os profissionais autônomos também serão atendidos. A Secretaria de Saúde segue as notas informativas da Secretaria de Estado da Saúde (SES-MG) e o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19.

Pela definição do Ministério da Saúde (MS), são considerados trabalhadores da saúde a serem vacinados na campanha os indivíduos que trabalham em estabelecimentos de assistência, vigilância à saúde, regulação e gestão à saúde, ou seja, trabalhadores que atuam em estabelecimentos de serviços de saúde, a exemplo de hospitais, clínicas, ambulatórios, unidades básicas de saúde, laboratórios, farmácias, drogarias e outros locais. Somente os trabalhadores vinculados a esses estabelecimentos estão contemplados neste momento pelo Plano de Operacionalização da Vacinação Contra à Covid-19.

O grupo engloba, ainda, os trabalhadores de apoio nos estabelecimentos de saúde (exemplos: recepcionistas, seguranças, trabalhadores da limpeza, cozinheiros e auxiliares, motoristas de ambulâncias, gestores e outros). Inclui-se, ainda, aqueles funcionários do sistema funerário, Instituto Médico Legal (IML) e Serviço de Verificação de Óbito (SVO) que tenham contato com cadáveres potencialmente contaminados e acadêmicos em saúde e estudantes da área técnica em saúde em estágio hospitalar, atenção básica, clínicas e laboratórios, ou seja, que estejam em campo de prática, conforme dispõe o OFÍCIO CIRCULAR Nº 57/2021/SVS/MS

Não serão imunizados neste momento

Ainda segundo o Ofício nº 57/2021 do Ministério da Saúde, trabalhadores das academias de ginástica, clubes, salão de beleza, clínica de estética, óticas, estúdios de tatuagem e estabelecimentos de saúde animal não serão contemplados nos grupos prioritários elencados inicialmente para a vacinação.

Documentação necessária

No ato da vacinação, todos os trabalhadores da saúde devem apresentar documento (original e cópia) que comprove o seu vínculo ativo com o estabelecimento de saúde, além de documento de identidade. No caso dos profissionais das 14 categorias, é exigido além do comprovante de vínculo ativo, a cópia e o original do respectivo registro no Conselho de Classe (carteira profissional). Os profissionais autônomos devem estar em atividade presencial comprovada por declaração própria e pertencer a uma das 14 categorias da área de saúde e ter registro em Conselho Profissional. Para os cuidadores de idosos, a comprovação é via registro em MEI ou carteira de trabalho assinada para esta função.


Fique atento

Quem se vacinou contra a gripe e tem direito de se vacinar também contra a Covid-19 deve esperar pelo menos 14 dias entre o momento que recebeu a dose do imunizante contra a Influenza para poder ser vacinado contra a Covid-19. Para quem foi diagnosticado com Covid-19, é recomendado, ao menos, 30 dias de espera entre o começo dos sintomas ou teste positivo (no caso dos assintomáticos) para receber a vacina contra o coronavírus.

Calendário dos profissionais de saúde

Terça-feira (15/06), no RU Centro, das 9h às 16h - 41 a 59 anos
Quarta-feira (16/06), no RU Centro, das 9h às 16h - 35 a 40 anos
Quinta-feira (17/06), no RU Centro, das 9h às 16h- 30 a 34 anos
Sexta-feira (18/06), no RU Centro, das 9h às 16h - 25 a 29 anos
Segunda-feira (21/06), no RU Centro, das 9h às 16h - 18 a 24 anos





uma imagem de x

Juiz de Fora contra o Coronavírus | PJF
Portal informativo e educativo para auxiliar no combate ao Covid-19.